ETPC Notícias Porto Real ganhará pólo da ETPC

Porto Real ganhará pólo da ETPC

Fundação CSN assina convênio com Prefeitura Municipal e PSA Peugeot-Citroën para instalação de escola técnica no município em 2014

Fundação CSN, Prefeitura de Porto Real e PSA Peugeot-Citroën assinaram na tarde desta quarta-feira, 27/11, um importante convênio que irá resultar na criação de um pólo da Escola Técnica Pandiá Calógeras no município do Sul Fluminense. A unidade extensiva será a primeira da ETPC a ser construída, justamente no ano em que a escola irá comemorar 70 anos de existência em Volta Redonda.

O protocolo de intenções assinado estabelece que o município ficará responsável pela montagem da estrutura física da unidade, localizada no Pólo Industrial do município. A montadora francesa irá fornecer os equipamentos para os laboratórios da escola e à ETPC caberá o papel de gestora administrativa e pedagógica do novo pólo de ensino técnico. A previsão é de que nova escola técnica de Porto Real comece a operar em agosto de 2014.

A ETPC, em Porto Real, atenderá, inicialmente, 40 estudantes por semestre. Em 2015 esse número será elevado para 120 alunos por semestre. A maior parte dessas vagas será preenchida por alunos contemplados com bolsas de estudos concedidas pela Prefeitura Municipal, pela PSA e pela própria Fundação CSN.

“É um marco na rica história da ETPC, que já tem uma importância significativa na formação técnica da região. Agora estamos ampliando o nosso papel de preparar os jovens do Sul Fluminense para o mercado de trabalho regional, que tem evoluído bastante nos últimos anos. A cidade de Porto Real virou um pólo nesse cenário e com isso nos aproximamos mais desse desenvolvimento”, explicou o gerente de ensino da ETPC, Fábio Corrêa Lopes.

Para o gerente geral da Fundação CSN, André Leonardi, o convênio vai de encontro ao princípio da entidade de desenvolver projetos com o poder público e com a iniciativa privada que contribuam para o desenvolvimento social das comunidades.

“A Fundação CSN acredita no potencial da cidade de Porto Real e das localidades no entorno. Junto com a prefeitura e com a PSA, vamos oferecer uma ferramenta fundamental que permitirá aos jovens se preparem localmente para buscar uma colocação nas empresas da região”, comemora André Leonardi.

Dentro do cronograma ainda em estudo pela ETPC, a previsão é de que o pólo da escola em Porto Real inicie as operações com o curso técnico de Automação. Para 2015 e 2016 a expectativa é incluir dois outros cursos na grade, os de Mecânica e Eletromecânica.